Autor Tópico: M80  (Lida 75149 vezes)

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 668
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #450 em: Julho 11, 2021, 01:19:36 am »

Os 105.8 são preferenciais sobretudo em dias em que os 90.0 estejam interferidos pela Mega Hits ou em certas zonas do Porto oriental.

Hoje ao início da noite captei os 90.0 da MegaHits com escuta limpa na EN109-2, quem desce dos Carvalhos para Perosinho. A partir do viaduto da A1 ou dava Mega limpa ou M80 de fundo com Mega por baixo. Chegou a ir buscar RDS da Mega. Isto em Gaia. Mesmo durante o dia, naquele eixo, a M80 leva ripada.

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 588
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #451 em: Julho 11, 2021, 03:35:07 pm »

Os 105.8 são preferenciais sobretudo em dias em que os 90.0 estejam interferidos pela Mega Hits ou em certas zonas do Porto oriental.

Hoje ao início da noite captei os 90.0 da MegaHits com escuta limpa na EN109-2, quem desce dos Carvalhos para Perosinho. A partir do viaduto da A1 ou dava Mega limpa ou M80 de fundo com Mega por baixo. Chegou a ir buscar RDS da Mega. Isto em Gaia. Mesmo durante o dia, naquele eixo, a M80 leva ripada.
Isso acontece em toda a parte, uma dada estação levar com o sinal de outra em cima. Nesse caso não há nada a fazer, por muito sofisticado que seja o recetor de rádio, por muito precisa que seja a seletividade. Outra situação muito frequente é de duas estações emitirem em frequências contíguas, o que dificulta a escuta em recetores cuja seletividade não seja a melhor. Então, este último caso, em Portugal, é prática corrente. Entre outras limitações, estas são características dessa tecnologia primitiva conhecida como FM e que os europeus estão a resolver. Mas, nós não somos europeus?

Podemos ter os estúdios equipados com tecnologia de ponta, para os ouvintes disponibilizamos o sinal com uma tecnologia da “Idade da Pedra”.

Luis Carvalho

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 768
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #452 em: Julho 11, 2021, 06:31:16 pm »

Os 105.8 são preferenciais sobretudo em dias em que os 90.0 estejam interferidos pela Mega Hits ou em certas zonas do Porto oriental.

Hoje ao início da noite captei os 90.0 da MegaHits com escuta limpa na EN109-2, quem desce dos Carvalhos para Perosinho. A partir do viaduto da A1 ou dava Mega limpa ou M80 de fundo com Mega por baixo. Chegou a ir buscar RDS da Mega. Isto em Gaia. Mesmo durante o dia, naquele eixo, a M80 leva ripada.
Isso acontece em toda a parte, uma dada estação levar com o sinal de outra em cima. Nesse caso não há nada a fazer, por muito sofisticado que seja o recetor de rádio, por muito precisa que seja a seletividade. Outra situação muito frequente é de duas estações emitirem em frequências contíguas, o que dificulta a escuta em recetores cuja seletividade não seja a melhor. Então, este último caso, em Portugal, é prática corrente. Entre outras limitações, estas são características dessa tecnologia primitiva conhecida como FM e que os europeus estão a resolver. Mas, nós não somos europeus?

Podemos ter os estúdios equipados com tecnologia de ponta, para os ouvintes disponibilizamos o sinal com uma tecnologia da “Idade da Pedra”.

Sem dúvida. Imagine-se o que seria estarmos no Reino Unido a ouvir a M80, a Mega Hits ou até a Smooth FM portuguesa com esta fantástica qualidade de som, muito superior à do FM (ironia):

https://youtu.be/27w3quNTP84

Sugiro que vejam o vídeo até ao fim, para verem que o DAB não é o "mar de rosas" que alguns querem fazer crer.
Cumprimentos,
Luís Carvalho

Administrador do "Fórum da Rádio"

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 668
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #453 em: Julho 11, 2021, 09:28:27 pm »

Os 105.8 são preferenciais sobretudo em dias em que os 90.0 estejam interferidos pela Mega Hits ou em certas zonas do Porto oriental.

Hoje ao início da noite captei os 90.0 da MegaHits com escuta limpa na EN109-2, quem desce dos Carvalhos para Perosinho. A partir do viaduto da A1 ou dava Mega limpa ou M80 de fundo com Mega por baixo. Chegou a ir buscar RDS da Mega. Isto em Gaia. Mesmo durante o dia, naquele eixo, a M80 leva ripada.
Isso acontece em toda a parte, uma dada estação levar com o sinal de outra em cima. Nesse caso não há nada a fazer, por muito sofisticado que seja o recetor de rádio, por muito precisa que seja a seletividade. Outra situação muito frequente é de duas estações emitirem em frequências contíguas, o que dificulta a escuta em recetores cuja seletividade não seja a melhor. Então, este último caso, em Portugal, é prática corrente. Entre outras limitações, estas são características dessa tecnologia primitiva conhecida como FM e que os europeus estão a resolver. Mas, nós não somos europeus?

Podemos ter os estúdios equipados com tecnologia de ponta, para os ouvintes disponibilizamos o sinal com uma tecnologia da “Idade da Pedra”.

João,

Eu até podia dizer que isso fosse verdade, mas como já foi dito algures para cima neste tópico (ou no da Mega) nunca deveria ter sido autorizado que ambas as estações, com emissores com tanta potência (5kw), a uma relativa proximidade, transmitissem na mesma frequência. É verdade que são ambas locais, mas sabemos que não o são, portanto, apesar da lei, temos de tratar as coisas como elas são na realidade. Depois origina a situação caricata que é teres um emissor de Gaia a levar porrada na próprio concelho de um emissor de uma local de Coimbra. Não faz sentido!

FM é para durar pelo menos nos próximos 10 anos. O DAB tem a módica quantia de 0,00€ afeta no PRR e no P2030. Pese embora a pressão da academia para deslocalizar fundos para este fim.

Memórias da Rádio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 665
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #454 em: Julho 12, 2021, 03:37:10 am »
Um dos dois emissores tem de deslizar uma décima para os 89.9 - não há outro remédio. Mas o pedido tem que partir de uma da MCR. Ora a MCR não mexe nas locais desde 2011 a este nível e a RR tem mexido mas isto não ajusta... porque é a beneficiada: os 90.0 da M80 do Porto levam com a Mega Hits de Coimbra e nunca o oposto, talvez por questões de orografia.

E digo para os 89.9 porque nunca na vida poderia ir para os 90.1 tendo a Voz da Ria (Estarreja) em 90.2. Em 89.9 a mais próxima é a RFM em 89.7, com uma margem de segurança boa, ainda que não perfeita.

estvmkt

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1219
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #455 em: Julho 12, 2021, 07:34:11 am »
89.9 para a M80...
Pois para a Mega leva ripada da Alive Fm do Sátão.
Recordo me de quando o emissor da Alive estava em baixa,os 90.0 de carro faziam se ouvir em Viseu em condições muito razoáveis...
E os 90.0 entram no IP3 a caminho de Coimbra,entram também em Santa Comba Dão, zonas altas e entram na estrada Sátão-Viseu em zonas sombra do emissor da Alive...

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 668
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #456 em: Julho 12, 2021, 09:05:11 am »
Um dos dois emissores tem de deslizar uma décima para os 89.9 - não há outro remédio. Mas o pedido tem que partir de uma da MCR. Ora a MCR não mexe nas locais desde 2011 a este nível e a RR tem mexido mas isto não ajusta... porque é a beneficiada: os 90.0 da M80 do Porto levam com a Mega Hits de Coimbra e nunca o oposto, talvez por questões de orografia.

E digo para os 89.9 porque nunca na vida poderia ir para os 90.1 tendo a Voz da Ria (Estarreja) em 90.2. Em 89.9 a mais próxima é a RFM em 89.7, com uma margem de segurança boa, ainda que não perfeita.

Sim, a mexer teria de ser a M80. Se for a MEGA, os 89.9 têm o problema da Satão e nos 90.1 para além da Voz da Ria, tens o problema dos 90.2 da Renascença que me parecem demasiadamente próximos, tanto na Guarda quanto no Montejunto.

Uma dúvida: se tiveres a mesma estação a emitir em dois emissores na mesma frequência, reforça o sinal ou vai criar ruído como se fossem estações diferentes? Por uma ideia que me passou assim de repente!

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 588
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #457 em: Julho 12, 2021, 09:17:10 pm »
Sem dúvida. Imagine-se o que seria estarmos no Reino Unido a ouvir a M80, a Mega Hits ou até a Smooth FM portuguesa com esta fantástica qualidade de som, muito superior à do FM (ironia):

https://youtu.be/27w3quNTP84

Sugiro que vejam o vídeo até ao fim, para verem que o DAB não é o "mar de rosas" que alguns querem fazer crer.
Para começar, consultar aqui a gigantesca quantidade de rádios em DAB/DAB+ no Reino Unido.

O vídeo menciona problemas com a tecnologia antecessora do DAB+. O DAB utilizava o codec MPEG-2 que exige taxas de amostragem de 256 kps para um som de elevada qualidade. Ora, o autor do vídeo refere que várias estações utilizavam taxas de 80 ou até 64 kps, com a obvia degradação da resolução do som e efeito espacial deste (estéreo). O autor do vídeo refere problemas de implementação dos multiplexadores comerciais no Reino Unido, nos quais foram incluídos um número excessivo de estações de rádio por multiplexador, com a óbvia degradação da qualidade de som de todas as estações desse multiplexador (mantendo a largura de banda, se aumentar o número de estações para lá do recomendado, obviamente que a qualidade do som via diminuir para todas). Para já, isto indicia que o mercado comercial da rádio digital no UK está ao rubro e a infraestrutura não suporta tantas estações, sem que haja uma óbvia degradação de som. O autor refere que a receção de sinais DAB+ é mais robusta que a tecnologia antecessora, assim como a utilização de um codec mais eficiente, MPEG-4 (consegue-se uma qualidade de som de qualidade, com taxas de amostragem menores que o antecessor DAB).

Portanto, caro Luís, este vídeo não prova nada sobre eventuais debilidades do DAB+. Chama a atenção que falta melhorar a infraestrutura comercial da rádio digital no UK para que as taxas de transferência sejam compatíveis com um som de qualidade. Talvez por isso, tenha sido lançado em junho de 2019 um segundo multiplexador comercial de abrangência nacional, em DAB+. Como sabe, a BBC tem o seu próprio multiplexador nacional, por enquanto só em DAB. Talvez a aguardar por investimentos para o upgrade.

Mas, outra importante perspetiva de análise deve ser considerada: a maioria dos países europeus encontra-se a implementar ou atualizar a Rádio Digital Terrestre, os fabricantes de automóveis incluem recetores de Rádio Digital nos veículos vendidos na Europa, seguramente para que tal aconteça esta tecnologia atingiu patamares de qualidade e fiabilidade que suportam estas tomadas de decisão. Não estou a ver fabricantes como BMW, Mercedes, Volkswagen, Volvo, Peugeot, Renault, etc., incluírem nos veículos equipamentos sem qualidade, dando cabo da reputação das marcas. Também não estou a ver o estado e os privados de vários países investirem numa infraestrutura que esteja condenada pela falta de fiabilidade e qualidade. Por outro lado, a persistência num falhanço tecnológico teria como consequência uma imagem não muito favorável da Europa no Mundo, a Europa que foi percursora de tantos avanços tecnológicos e científicos para a Humanidade.

Sobre a tecnologia em si, julgo que o testemunho do participante Rui Cleto poderá ser elucidativo  sobre os pontos fortes e pontos fracos do DAB+, uma vez que experimentou a tecnologia na Bélgica, suponho nas rotinas diárias. Neste fórum, apenas podemos fazer conjeturas baseadas em publicações internacionais, não temos a tecnologia, não a podemos testar.
(A Bélgica tem uma população da mesma ordem de grandeza de Portugal, i.e., 11,5 milhões de habitantes. Consultar aqui as estações de rádio digital do país.)

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 588
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #458 em: Julho 12, 2021, 09:19:44 pm »
ERRATA: onde se lê "kps" deve ler-se "kbps".

ruicleto

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 201
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #459 em: Julho 13, 2021, 09:55:10 pm »
Corroboro na totalidade o que João disse. Na realidade, escutava diariamente, não só na Bélgica como Alemanha, França (região Lille) e Países Baixos - no carro. Em casa, a qualidade era igualmente excelente. Quem ouve emissão em DAB+, esquece o "velhinho FM"! Face à notável estabilidade de sinal, sem as interferências horríveis do FM e com muito mais utilidades automáticas como imagem, previsões meteorológicas, programação, capa do disco a ouvir, hora automática, etc., etc., etc. Inclusivamente mudava de DAB+ para FM (para estações que permitiam esta opção) em zonas de transição (claro que notava a diferença da qualidade pior do FM, mas era bem melhor que sem sinal algum, em algumas zonas de "sombra").
Sou suspeito nestas afirmações, mas na realidade as tecnologias não têm comparação. É comparar a antiga TV analógica (com fantasma, etc.) e a qualidade da TDT (mesmo não tendo em Portugal qualquer canal em alta definição - ainda melhor).

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 588
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #460 em: Julho 13, 2021, 10:13:42 pm »
João,

Eu até podia dizer que isso fosse verdade, mas como já foi dito algures para cima neste tópico (ou no da Mega) nunca deveria ter sido autorizado que ambas as estações, com emissores com tanta potência (5kw), a uma relativa proximidade, transmitissem na mesma frequência. É verdade que são ambas locais, mas sabemos que não o são, portanto, apesar da lei, temos de tratar as coisas como elas são na realidade. Depois origina a situação caricata que é teres um emissor de Gaia a levar porrada na próprio concelho de um emissor de uma local de Coimbra. Não faz sentido!

FM é para durar pelo menos nos próximos 10 anos. O DAB tem a módica quantia de 0,00€ afeta no PRR e no P2030. Pese embora a pressão da academia para deslocalizar fundos para este fim.
“pdnf” de facto não faz sentido que os emissores mencionados operem na mesma frequência e em regiões próximas. Também não faz sentido que centros emissores de regiões vizinhas operem em frequências contíguas, provocando dificuldades de sintonia, como acontece com os 106.8 ‘RFM’ de Montejunto e 106.7 ‘M80’ de Portalegre, ou os 96.4 ‘M80’ de Montejunto e 96.6 ‘SmoothFM’ de Monsanto, ambos pertencentes ao distrito de Lisboa, etc.

Mas estes casos agravam-se ao mínimo sinal de propagações esporádicas, as tais que enchem o éter de ruído: por exemplo, na passada sexta-feira na A1 e A23 em plena cobertura de 97.7 ‘SmoothFM’, o sinal desta tinha sobreposto o sinal de 97.7 ‘Comercial’, Mte. da Virgem, e 97.7 ‘Radio Clásica’, Montanchez - Cáceres, Espanha (ver aqui); ou seja, na mesma frequência chegava os sinais de 3 emissores o que resulta numa embrulhada sonora inaudível, ao mesmo tempo 92.8 ‘SmoothFM’ tinha sobreposto o sinal de uma emissora de Lisboa. Incómodo, no mínimo, e tanto se fala na transição para o digital…

(Uma nota à parte: excelentes programas musicas que estão a ser emitidos esta noite no canal publico ‘France.4 | Culturebox’.)

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 668
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #461 em: Julho 13, 2021, 11:09:48 pm »
João,

Eu até podia dizer que isso fosse verdade, mas como já foi dito algures para cima neste tópico (ou no da Mega) nunca deveria ter sido autorizado que ambas as estações, com emissores com tanta potência (5kw), a uma relativa proximidade, transmitissem na mesma frequência. É verdade que são ambas locais, mas sabemos que não o são, portanto, apesar da lei, temos de tratar as coisas como elas são na realidade. Depois origina a situação caricata que é teres um emissor de Gaia a levar porrada na próprio concelho de um emissor de uma local de Coimbra. Não faz sentido!

FM é para durar pelo menos nos próximos 10 anos. O DAB tem a módica quantia de 0,00€ afeta no PRR e no P2030. Pese embora a pressão da academia para deslocalizar fundos para este fim.
“pdnf” de facto não faz sentido que os emissores mencionados operem na mesma frequência e em regiões próximas. Também não faz sentido que centros emissores de regiões vizinhas operem em frequências contíguas, provocando dificuldades de sintonia, como acontece com os 106.8 ‘RFM’ de Montejunto e 106.7 ‘M80’ de Portalegre, ou os 96.4 ‘M80’ de Montejunto e 96.6 ‘SmoothFM’ de Monsanto, ambos pertencentes ao distrito de Lisboa, etc.

Mas estes casos agravam-se ao mínimo sinal de propagações esporádicas, as tais que enchem o éter de ruído: por exemplo, na passada sexta-feira na A1 e A23 em plena cobertura de 97.7 ‘SmoothFM’, o sinal desta tinha sobreposto o sinal de 97.7 ‘Comercial’, Mte. da Virgem, e 97.7 ‘Radio Clásica’, Montanchez - Cáceres, Espanha (ver aqui); ou seja, na mesma frequência chegava os sinais de 3 emissores o que resulta numa embrulhada sonora inaudível, ao mesmo tempo 92.8 ‘SmoothFM’ tinha sobreposto o sinal de uma emissora de Lisboa. Incómodo, no mínimo, e tanto se fala na transição para o digital…

(Uma nota à parte: excelentes programas musicas que estão a ser emitidos esta noite no canal publico ‘France.4 | Culturebox’.)

Boa Noite,

Os casos da Smooth e da RFM/M80 desconhecia. Para baixo de Coimbra conheço menos os emissores. Aqui pelas bandas do Porto, os 90.0 são o caso mais complicado, pois logo à saída de Grijó na A1, já se começa a fazer sentir o efeito MegaHits. É curioso que o efeito se dá maioritariamente da Mega para M80. Aliás, na A1, o rádio praticamente vem nos 90.0 até Santa Maria da Feira. Só junto ao Pingo Doce é que a M80 se começa a afirmar de forma robusta, não sendo grande a zona de transição (a meia dúzia de Km em que o rádio vai aos 96.5 na Mega, antes de passar aos péssimos 90.6).

Memórias da Rádio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 665
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #462 em: Julho 15, 2021, 03:37:45 pm »
Vida difícil para a M80 hoje no Norte e Centro: os 98.4 de Coimbra não estão a comutar com os 94.4 de Aveiro de todo, mesmo na zona de transição da Mealhada e para lá disso, levando a que se ouça a Rádio Observador (!) a querer entrar, e os 94.4 de Aveiro não conseguem comutar para o Porto porque os 90.0 estão com uma rádio qualquer em cima (e hoje estavam alterados de som, com menos corpo que outros emissores que testei).

Resultado: as outras do Monte da Virgem a ouvir-se todas perfeitas a partir de meados de Ovar sul/Estarreja (eu vi isto na A29) e a M80 só chega, e mal, já a partir da saída de Esmoriz, mais solidamente só mesmo em Espinho. Como Aveiro começa a ficar tapado e com interferências da Vodafone FM a partir precisamente dessa zona, e com os 105.8 de Valongo em emissão local a chegar fracos ou nulos, temos uma linda situação em que durante uns 10kms não comuta para lado nenhum porque não tem como comutar.

A tabela de AF parece estar vazia/avariada nos 94.4 - porque a M80 comuta dos 98.4 para os 93.0 de Leiria e não tenho problemas com comutação em qualquer outra frequência no rádio.
« Última modificação: Julho 15, 2021, 03:40:35 pm por Memórias da Rádio »

Asantosc12

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 468
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #463 em: Julho 15, 2021, 06:41:18 pm »
Vida difícil para a M80 hoje no Norte e Centro: os 98.4 de Coimbra não estão a comutar com os 94.4 de Aveiro de todo, mesmo na zona de transição da Mealhada e para lá disso, levando a que se ouça a Rádio Observador (!) a querer entrar, e os 94.4 de Aveiro não conseguem comutar para o Porto porque os 90.0 estão com uma rádio qualquer em cima (e hoje estavam alterados de som, com menos corpo que outros emissores que testei).

Resultado: as outras do Monte da Virgem a ouvir-se todas perfeitas a partir de meados de Ovar sul/Estarreja (eu vi isto na A29) e a M80 só chega, e mal, já a partir da saída de Esmoriz, mais solidamente só mesmo em Espinho. Como Aveiro começa a ficar tapado e com interferências da Vodafone FM a partir precisamente dessa zona, e com os 105.8 de Valongo em emissão local a chegar fracos ou nulos, temos uma linda situação em que durante uns 10kms não comuta para lado nenhum porque não tem como comutar.

A tabela de AF parece estar vazia/avariada nos 94.4 - porque a M80 comuta dos 98.4 para os 93.0 de Leiria e não tenho problemas com comutação em qualquer outra frequência no rádio.

Como é funciona a comutação nos emissores para estarem todos em "sintonia"? Tinha ideia que se o RDS fosse igual, o auto-rádio iria buscar a melhor frequência..

estvmkt

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1219
    • Ver Perfil
Re: M80
« Responder #464 em: Julho 15, 2021, 07:57:46 pm »
Pergunto eu: o porquê de a M80 Porto ser das piores que sai do Monte da Virgem?
Será por ter reflectores?
Mesmo com reflectores tinha obrigação de fazer mais...
Bom mistério esses 90.0,que foram sempre muito amaldiçoados...