Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Mensagens - Zeca 2021

Páginas: [1] 2 3 ... 22
1
Rádios regionais e nacionais / Re: Rádio Observador
« em: Novembro 27, 2021, 05:07:18 pm »
Por acaso ouvi o noticiário das 15 e a Rádio Observador tinha lá um repórter que deu em directo as declarações do Rio, Miguel Videira que está no Porto a acompanhar o acto eleitoral do PSD.

E só sintonizar e ouvir...

O Congresso do PSD acontece em Lisboa.
O jornalista que refere estava em Lisboa de manha.
Qual a logica de correr para o Porto para ouvir o Rio e voltar para Lisboa 10 minutos depois?
Como é obvio, as declarações que escutou não era dele na porta de casa.
Enfim, o que se inventa para se justificar que a Observador não existe fora de Lisboa.

2
Rádios regionais e nacionais / Re: Rádio Observador
« em: Novembro 27, 2021, 04:58:25 pm »
Por acaso ouvi o noticiário das 15 e a Rádio Observador tinha lá um repórter que deu em directo as declarações do Rio, Miguel Videira que está no Porto a acompanhar o acto eleitoral do PSD.

E só sintonizar e ouvir...

Areia para os olhos....
Então, mas se a Observador tem tanto jornalista no Porto, porque motivo precisa de vir um de Lisboa?
Tretas.
As imagens televisivas são bem elucidativas e se o que acaba de referir mostra bem que no Porto nada existe da Observador.
A Observador não passa de uma rádio local de Lisboa enfiada num estúdio que sobrevive á custa dos audios das tvs de informação.


3
Rádios regionais e nacionais / Re: Rádio Observador
« em: Novembro 27, 2021, 03:18:38 pm »
15.10
Rui Rio na porta de sua casa a ser entrevistado em direto pelos canais de tv RTP/CNN/SIC/CMTv/Porto Canal
Microfones de rádio: Antena 1/TSF/RR
Onde está a Observador?
Não está.
Porquê?
Porque no Porto a Observador não existe.
Daqui a pouco a Observador coloca o audio de uma tv e parece que lá estava.
Assim se faz de uma rádio local de Lisboa uma pseudo rádio de duas areas metropolitanas.
Escusam de vir comentar dizendo que a Observador tem uma micro equipa no Porto de jornalistas.
È tão micro que nunca está em lado algum.
Pobre rádio local da capital.

4
Ontem estive a escutar o programa que a Rádio Portuense anuncia ser diário, pelos vistos já desde inicio de Novembro.
As 5ª feiras são dedicadas ao Heavy da década de 70.
Se já conhecia Black Sabbath e os April Wine, fiquei a descobrir mais uma serie de bandas que nunca tinha escutado como os Amulet, Black Horse, Eloy, Blues Creation entre outras.
Acho que era isto que o FM precisava, mas infelizmente só nos vendem sempre o mesmo produto.
Parabéns ao projecto on line do Porto que traz algo de novo.

5
Rádios regionais e nacionais / Re: Antena 1
« em: Novembro 25, 2021, 12:15:39 pm »
Se há coisa que não entendo na 1, éporque não é a Eduarda Maio, a principal pivot informática das manhãs?

Tem muito mais experiência, inclusive de casa( já ouço a Maio há tempos imemoriais) e tem melhor voz, mais entendivel...

Miguel Soares por vezes parece nervoso, come palavras, os noticiários parecem confusos...

Porque será?

Já na TV foi desvalorizada, não sei se terá sido uma decisão própria mas a verdade é que a substituíram no Sociedade Civil pelo Luís Castro que em certos dias faz 0,0% de audiência...

E o Augusto Fernandes é finalmente para ficar, ou vão continuar a rodar o pivot das Manhãs de 3 em 3 meses?
Efeitos do centralismo.
A Eduarda Maio está no Porto. O Luis em Lisboa.

6
O Rock tem muitas variantes mas parece que em Portugal o FM se confinou desde há uns bons anos ao alternativo/Indie. As sonoridades do Heavy Rock desapareceu do FM português. Volta e meia lá passa um clássico do Hard Rock na M80 ou outra. Resta aos projectos on line  recuperar outros sons e ainda bem. Se os novos projectos nacionais de rádios on line, tipo futura, vão pelo mesmo caminho do Indie/Alternativo, então não são mais do que cópias das Vodafones e SBSR do FM.

7
Rádios locais / Re: Fama Rádio - 105,0 MHz e 96,4 MHz Famalicão
« em: Novembro 24, 2021, 11:20:25 pm »
Tenho andado a escutar a Fama FM
Uma playlist agradável, abrangente e que foge claramente ao que habitualmente escutamos nas rádios locais.
Reparo que agora entra muito melhor no Grande Porto ficando a perder depois de Gaia. A Norte da VCI a rádio escuta-se muito bem.

8
A Rádio Portuense anuncia nas suas redes sociais que este programa dedicado ao Rock mais pesado vai ser diário.
È preciso uma rádio on line promover o Heavy Rock pois no FM praticamente não existe. O FM está tão mau que a palavra "Rock" quase não existe, quanto mais o Heavy Rock. A Vodafone espetou mais um prego no caixão do Rock. Pelos vistos, no Porto ainda há quem acredite que há espaço para o Rock mais pesado.
Um bem haja por isso.

9
Rádios locais / Re: Antena Minho - 106,0 MHz Braga
« em: Novembro 18, 2021, 12:51:03 am »
Estou a escutar agora mesmo o noticiário da Antena Minho e isto sim, é verdadeira informação regional. Em dez minutos, ficamos com uma panorâmcia do que se passa no distrito.

Não obstante, no início do mesmo não anunciam Antena Minho, mas sim Cadeia de Infromação Norte. Fui ao google e encontrei que, supostamente, os noticiários são emitidos em cadeia na Cávado e na Barca. Contudo, sintonizadas as frequências, não é isso que se passa. (https://www.antenaminho.pt/radio/cin/)

Será que já não está em vigor ou serão só alguns noticiários?

Tanto quanto sei, mas sem confirmação, a Rádio Cavado está em piloto automático desde que foi alvo de um processo de penhora. Certo é que quando eu por lá passo está a tocar a música.

E sem RDS. Mas com boa cobertura na mesma...
È o que acontece com a Observador.
Se queremos uma boa informação regional de Lisboa, nada melhor que a Observador. Durante a tarde e noite, aquilo é um corropio de cantores, musicos, escritores da zona. Fica tuso entre o Seixal e Alverca. A diferença entre a informação regional do Minho ou da Estremadura é que a do Minho só tem um emissor no Minho mas a da Rádio da provincia da Estremadura tem 4 emissores, dois deles no Grande Porto.

10
Aí está o novo projeto de Pedro Ramos - http://www.radiofutura.pt/ - com os "dissidentes" da Radar: Ines Meneses, Joana Bernardo e Duarte Pinto Coelho.
Mas está radio só emite pela web não transmite em FM, já não tem grande interesse para mim. Na web existe muita coisa para ver e ouvir em streaming. Rádios a transmitirem só pela web sem  transmitirem em FM não faz grande sentido.

Enviado do meu Redmi 7 através do Tapatalk
Explique-me uma coisa:
90% da população em casa escuta rádio pelas APP ou pela net.

Há alguma diferença entre ser uma rádio FM ou on line?

E de onde raio é que saiu essa estatística dos 90%? Nem nos 15-25 é assim lol
Hoje em dia, quem tem um rádio em casa?
A grande maioria utiliza a internet em casa e escuta a rádio pelas plataformas.

11
Rádios regionais e nacionais / Re: Antena 1
« em: Novembro 13, 2021, 07:12:11 pm »
O Raul Vaz por acaso até é da Murtosa.

Também prefiro apesar de tudo o estilo ácido de Vaz ao do monocórdico Jorge Pinto.

Mas falando de gente do Norte sinto a falta do decano Carlos Magno, figura marcante da saudosa TSF dos anos 90. Era um analista político brilhante.

Certo.

Agora creio que comenta no Porto Canal.

Deveria ter continuado na rádio e tv em vez de ter ido para a burocrática ERC.
Depois de se ter estado num cargo desses é difícil regressar ao ativo para um canal nacional...

É como os provedores...

A exceção  é Paula Cordeiro...
O Porto Canal é um canal nacional.  Esqueci-me, o Atento não o deve ver, pois não é de Lisboa.

12
Rádios locais / Re: Rádio Nova - 98,9 MHz Porto
« em: Novembro 13, 2021, 01:04:03 pm »
Fiquei  :o :o :o que rádio era esta! Era tão, mas tão necessário um novo projeto como este a Norte!

https://www.jpn.up.pt/2014/09/04/radio-nova-ha-25-anos-que-em-989-se-formam-jornalistas/

Pensar que uma rádio local tinha enviados em guerras, deixa-me a pensar como a rádio se deteriorou nos últimos anos, assim como os grupos empresariais, que no fundo eram quem lhes dava suporte.

Parece ficção não é? Felizmente tive o prazer de ouvir esse projeto desde o primeiro dia e assistir de seguida ao desinvestimento que começou no dia da atribuição da Rede Regional Norte à Radio Press.
Somos 2. Uma rádio urbana que era obrigatório escutar, que tinha no Sexo dos Anjos um expoente de audiencia.
Infelizmente, tudo mudou. Um projecto de rádio que se voltasse ao que foi aquando do seu nascimento e se tornasse uma verdadeira rádio urbana do Grande Porto, ganhava a toda a concorrencia e encostava para canto aquilo que as pseudo rádios nacionais tentam impingir que o fazem no Porto, nunca o fazendo. Ver a lista de nomes que por lá passou, estando todos nos canais nacionais de tv, é de facto impressionante a escola que a Nova foi no país.

13
Rádios regionais e nacionais / Re: Antena 1
« em: Novembro 13, 2021, 12:55:11 pm »
E a RNE1 faz muito bem, porque democracia é isso mesmo, pluralidade de opiniões. Mas com gente que fale mesmo, não com pessoas que procedam a falácias do espantalho, de autoridade e outras que tais, inquinando qualquer debate. E nós cá em Portugal temos muitos exemplos disso, em especial do PCP e do Chega. Em Espanha o estilo é distinto e já permite outras coisas.

Se isso significar que só os moderados têm antena, que seja. Mas que seja pelo contexto não permitir mais, não por princípio.

E a conjugação PS/PSD/CDS nos programas de comentário político está como certa folha nesta época - caduca. Janeiro vai trazer-nos novidades que não são de somenos. As rádios devem procurar proteger-se o mais possível e a pluralidade é o melhor caminho.

Isto é o mais que irei comentar em termos políticos relativamente a cruzamento com elementos radiofónicos.

A A1 não devia ter um comentador político, devia ter vários e de diversos quadrantes.

Este Raul é um escândalo estar uma rádio pública que se quer abrangente e plural...

Ao pé dele os outros dois comentadores eu nem sequer sei o que estão ali a fazer, sou-lhe sincero, porque o tom deles é totalmente distinto... Muito mais depressa seria adequado o Raul Vaz nos Radicais Livres, e daí nem sei se ainda seria ajustado. É mesmo uma postura muito pouco salutar para rádio e mesmo no dia-a-dia não é muito saudável...

Sobre a repressentatividade, o Memórias conseguiu exprimir melhor do que eu. A questão, de facto, na realidade portuguesa, não é o extremo, mas o tipo de pessoas que militam nesses partidos e que tornam, muitas vezes os debates inaudíveis. Claro está que, se de hoje para amanhã aparecer um partido de clara inspiração nazi ou no extremo esquerdo do espectro ao estilo do PCPT/MRPP que defendem coisas claramente contrárias à declaração Universal dos Direitos Humanos, coisa que não ocorre hoje nem Chega nem PCP/PEV nem BE, aí sim, não se deverá dar voz, pois existem linhas vermelhas claras na comunicação social.

Quanto ao Raúl Vaz, honestamente não compreendo porque não é o Ricardo Jorge Pinto, o que me parece mais isento de entre todos, a assumir a função de comentador principal. Desde puto que é dos tipos que mais gosto de ouvir sobre política e a presença dele em antena, seja de rádio ou TV é cada vez mais residual.

Entre Pinto e Vaz, escolho sem qualquer dúvida Vaz, pois não enrola e é claro naquilo que defende...

O outro enrola, mastiga, fica no meio da ponte...
Mas já sabemos o que quer...

Ao menos Vaz não esconde o que pensa...

Curioso, o Pinto é do Porto e o Vaz de Lisboa. O Atento escolhe o lisboeta. E novidades, Atento?

14
Rádios regionais e nacionais / Re: Rádio Observador
« em: Novembro 13, 2021, 12:45:40 pm »
Não tem estúdios no Porto?

Pois não, aTSF nos primeiros anos também não tinha. Agora, repito é FALSO, torno a repetir é FALSO que  a Obs não fale e não dê noticias do que relevante se vai passando no Porto.

E não tem so uma jornalista, tem mais. Logo que possível vou apurar o nome delas e vou revelar aqui...

Onde andam os jornalistas no Porto?
Então como explica que nunca esteja um microfone da Observador em nada que aconteça no Porto ou arredores?
Já nem vou falar em Braga ou Aveiro.
A Observador sem as tvs de noticias não existia, pois não existe no país.
A Observador já é conhecida como sendo a Rádio Confinamento, pois não sai do estúdio, está confinada.
No Porto é conhecida como a Rádio Imaginário, pois todos imaginam que a rádio existe no Porto.

15
Aí está o novo projeto de Pedro Ramos - http://www.radiofutura.pt/ - com os "dissidentes" da Radar: Ines Meneses, Joana Bernardo e Duarte Pinto Coelho.
Mas está radio só emite pela web não transmite em FM, já não tem grande interesse para mim. Na web existe muita coisa para ver e ouvir em streaming. Rádios a transmitirem só pela web sem  transmitirem em FM não faz grande sentido.

Enviado do meu Redmi 7 através do Tapatalk
Explique-me uma coisa:
90% da população em casa escuta rádio pelas APP ou pela net.

Há alguma diferença entre ser uma rádio FM ou on line?

Páginas: [1] 2 3 ... 22